História

          O Brás é um bairro caracterizado pelas ruas de comércio popular e pela variedade de pessoas, sejam trabalhadores, visitantes ou moradores.
Sua origem está ligada a José Braz, proprietário de uma chácara na região na qual foi construída a igreja de Bom Jesus do Matosinho, e em torno dela desenvolveu-se um povoado que deu origem ao Brás.
          O bairro cresceu com a chegada dos imigrantes e caracterizou-se pela notável presença de italianos. Em determinadas ruas o italiano era mais falado que o português.
          A urbanização e industrialização de São Paulo foram impulsionadas pela cultura do café e os trilhos da São Paulo Railway, que ligava Santos a Jundiaí, chegaram à cidade. A estação do Brás foi inaugurada em 1867 e em 1885 foi construída ao lado dos trilhos do trem a Hospedaria de Imigrantes, para receber pessoas que chegavam ao estado de São Paulo para trabalhar na lavoura ou nas indústrias.
          Na década de 40, uma grande seca que atingiu diversos estados do Nordeste deu início a migração de milhares de nordestinos que chegavam à cidade a procura de uma vida melhor. Na década de 70 foram construídas as estações Brás, Pedro II e Bresser do Metrô, o que resultou na mudança da paisagem do bairro que tornou-se um dos  principais pólos comerciais do país.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: